Lesson

O que é a negociação de moedas?

A negociação de moedas é o mercado mais líquido e robusto do mundo. Na verdade, nenhum outro mercado pode comparar-se ao valor absoluto deste mercado massivamente negociado. O mercado forex ou de câmbio estrangeiro é um mercado global descentralizado para a negociação de moedas.

Ao operar com pares de moedas, está efetivamente a comprar uma moeda e vendendo outra. Vamos dar um exemplo simples para ilustrar como funciona: EUR/USD é um par de moedas comumente negociado. EUR é o símbolo do Euro e USD é o símbolo do Dólar Americano. No par de moedas acima, EUR é referido como a moeda base e USD é referido como a moeda de cotação. A proporção é realmente vista como uma única unidade, embora se refira a 2 moedas individuais. Em outras palavras, negoceia EUR/USD como um par de moedas – não o EUR ou o USD.

Por exemplo, uma cotação de EUR/USD de 1,10 significa que 1 euro compra 1,10 dólares americanos. Um aumento da cotação EUR/USD para 1,20 significa que agora 1 euro compra 1,20 dólares americanos. Nessa situação, o euro ficou mais forte e o dólar mais fraco. O objetivo de um trader de forex é antecipar o aumento ou queda do valor de uma moeda, a fim de comprar ou vender essa moeda.

Principais pares de moedas
Existem muitas moedas sendo usadas no mundo, mas apenas algumas são consideradas moedas “principais” que, quando combinadas, formam os pares “principais”. Existem seis pares forex mais negociados no mercado, dentre eles:

EUR/USD: Euro e Dólar Americano.
USD/JPY: Dólar Americano e Iene Japonês.
GBP/USD: Libra Esterlina Britânica e Dólar Americano.
USD/CHF: Dólar Americano e Franco Suíço.

Como se pode ver, todas as moedas listadas acima são usadas em economias desenvolvidas, já que representam a maior parcela do comércio mundial, o que torna estas moedas as mais negociadas no mundo.

Pares menores e exóticos
Os pares menores são os pares de moedas menos negociados do que os pares de moedas principais. Eles também são menos líquidos e costumam ter spreads maiores. Regra geral, os pares de moedas menores são quaisquer pares que não sejam os seis pares de moedas principais listados acima. Os pares de moedas exóticas geralmente incluem uma moeda de um país com mercado emergente. A razão de serem chamados de pares de moedas exóticas não tem nada a ver com a localização do país, mas sim com os desafios adicionais envolvidos na negociação desses pares de moedas. Assim como os pares menores, os pares de moedas exóticas também apresentam spreads maiores e menor liquidez.

Flutuações no valor da moeda
Normalmente, os pares de moedas não flutuam muito. A maioria dos pares movimenta-se menos de 1% ao dia, tornando o forex um dos mercados financeiros menos voláteis. A liquidez no mercado cambial, entretanto, é extremamente rápida, então, caso decida comprar ou vender moeda, levará milissegundos para fazê-lo. É por isso que um índice de alavancagem relativamente alto é disponibilizado ao negociar forex. A alavancagem pode aumentar o valor de ganhos potenciais em pequenos movimentos, mas também aumentar o risco de perdas maiores.

O que influencia no valor de uma moeda?
Os valores das moedas podem mudar rapidamente e por vários motivos. Por vezes, é uma reação a notícias políticas e económicas externas, como a saída da Grã-Bretanha da União Europeia. Outras vezes, o próprio mercado impulsiona mudanças de valor. Muitas vezes, os eventos externos e internos podem levar a mudanças no valor da moeda e é da responsabilidade do trader de prever com precisão essas mudanças que podem criar lucros ou perdas.

Um par de moedas é matematicamente uma divisão ou fração. Descrevemos o par EUR/USD, como o Euro dividido pelo Dólar. Notícias positivas sobre o euro, por exemplo, uma inflação inesperadamente alta na Europa, aumentarão o valor do euro.

Por outro lado, notícias positivas para o Dólar norte-americano elevariam o valor do Dólar. Como segunda moeda do par de moedas, isso levaria a um desempenho negativo na taxa EUR/USD.
Outros fatores como taxas de juros, dados económicos dos maiores países e tensões geopolíticas são apenas alguns dos eventos que podem afetar os preços das moedas. O calendário económico gratuito da BDSwiss fornece uma ordem cronológica de todos os anúncios financeiros importantes e lançamentos de dados das próximas semanas, permitindo que acompanhe os eventos que podem afetar os mercados financeiros.

No nosso calendário económico , pode encontrar quando ocorrerão os maiores anúncios financeiros do mundo, bem como qual será o valor projetado. Também pode filtrar os seus resultados com base em data, preferência, país ou importância.

Por que devo prestar atenção ao horário?
Em geral, as moedas são negociadas 24 horas por dia, mas nem todas as moedas são negociadas sempre no mesmo volume. Os traders pelo mundo tendem a negociar nas suas moedas locais, pois são-lhes as mais familiares e têm mais afinidade com as mesmas. Por esta razão, um trader japonês provavelmente preferirá um par de moedas contendo JPY (Iene Japonês), enquanto um americano tenderá a pares contendo o USD (Dólar Americano). Este favoritismo também pode ser visto como um fator de tempo, uma vez que as moedas locais são mais negociadas durante o horário comercial normal.

Outros traders podem usar este conhecimento a seu favor e procurar pares de moedas que NÃO são afetados por este fator de tempo. Os pares de moedas que estão apenas sendo passivos facilitam a especulação sobre a sua tendência porque só precisa de levar em consideração o que pode estar a afetar uma das moedas do par.

Entenda os riscos
Por fim, nunca é demais enfatizar que negociar em moeda estrangeira com margem acarreta um alto nível de risco e não é adequado para todos. Antes de decidir operar com moedas estrangeiras ou qualquer outro produto de CFD, deve considerar cuidadosamente os seus objetivos de investimento, nível de experiência e resistência ao risco.